Tratamento para Hipotireoidismo

Atualmente, há um grande problema dentro da comunidade médica, com a sua abordagem para tratar uma série de problemas de saúde e doenças. E 9 em cada 10 vezes, este problema existe porque seus tratamentos são movidos exclusivamente por interesses financeiros e NÃO pelos interesses dos pacientes que sofrem. Sua abordagem atual sub par para o tratamento de hipotireoidismo compreensivelmente se encaixa nesta situação.

Em apenas um minuto, vou dar-lhe algumas dicas importantes que o seu médico não está dizendo a você, que são necessários para qualquer tratamento de hipotireoidismo.

"Alimentos Bons, Alimentos Ruins"
Subscreva para Receber um eBook Gratuito e Dicas para Tratar o Hipotireoidismo
Conteúdo exclusivo, aviso de novas publicações e novidades no tratamento da tireóide. Insira o seu e-mail agora!

Mas antes de eu fazer, eu quero falar um pouco sobre porque nada disso é sequer discutido dentro da comunidade médica.

Tratamento do Hipotireoidismo – O Passado e a Atualidade

Tratamentos para o HipotireoidismoAqui está algo que a maioria das pessoas não percebe.

Há muito tempo, antes que a indústria farmacêutica faturasse mais de $ 500 bilhões de dólares (sim, eu disse bilhões) por ano com a venda de drogas, os médicos da época eram muito mais eficientes no tratamento de hipotireoidismo do que são hoje.

Há muito tempo, os médicos entendiam claramente os efeitos de longo alcance de hipotireoidismo. Era extremamente comum para eles descobrirem que o hipotireoidismo foi envolvido nos problemas de saúde dos pacientes. E muitas vezes, o tratamento de hipotireoidismo não se baseava apenas em eliminar os sintomas, mas também deixá-los saudáveis.

Hoje, os médicos tornaram-se muito menos acostumados a determinar a causa subjacente da doença. E em vez disso, eles se acostumaram a tratar apenas os sintomas de seus pacientes, utilizando medicamentos para encobrir os seus sintomas de hipotireoidismo, e não fazendo absolutamente nada para melhorar o seu estado de saúde. E por isso é muito comum que você desenvolva sintomas mais graves no processo.

Infelizmente, quando há mais de $ 500 bilhões de dólares em questão, não há incentivo real para a cura das pessoas. Se as pessoas continuarem a se adoentar e desenvolver novos problemas de saúde, requerendo o uso de novas drogas, isso irá contabilizar dinheiro para indústria farmacêutica.
Mas se nós voltarmos às nossas velhas maneiras de usar as opções de tratamento muito mais eficazes contra o hipotireoidismo, então muitas pessoas deixariam de gastar todo o seu dinheiro arduamente ganhado, em uma vida de drogas de prescrição.

A Verdade Sobre o Tratamento do Hipotireoidismo

A verdade é que há muito mais que você pode fazer para tratar o hipotireoidismo do que o seu médico pode ou não recomendar.

Mas como eu mencionei acima, como a comunidade médica está em grande parte impulsionada pelos interesses financeiros da indústria farmacêutica, a maioria dos pacientes são enviados para casa com a medicação errada, que muitas vezes, só faz o hipotireoidismo piorar (leia mais sobre isso abaixo).

Uma busca rápida em praticamente qualquer referência médica online irá rapidamente lhe dizer que existem certos alimentos e suplementos que podem afetar a sua capacidade de absorver os medicamentos da tireoide que são facilmente prescritos.

Mas nenhuma referência menciona quaisquer alimentos ou suplementos que podem afetar diretamente a capacidade do seu organismo produzir ou utilizar naturalmente o hormônio da tireoide. Na verdade, a maioria dos profissionais médicos irá dizer-lhe que a sua dieta tem pouco a nenhum impacto sobre a saúde da sua tireoide.

Mas quando começar a olhar para a pesquisa, observará uma história muito diferente.

5 Etapas Essenciais para o Sucesso do Tratamento Hipotireoidismo

Você pode lançar mão de todos os suplementos, medicamentos, etc. Mas se você não estiver fazendo o procedimento correto, estará perdendo o seu tempo.

Eu irei listar abaixo, os 5 passos essenciais que são parte integrante de todo o tratamento de hipotireoidismo, se você quiser realmente restaurar a sua vida, saúde e energia.

1. Comece uma Dieta para o Tratamento do Hipotireoidismo

Houve uma série de pesquisas que demonstra a importante conexão entre sua dieta e hipotireoidismo. Há certos alimentos que contribuem diretamente para o hipotireoidismo e devem ser evitados, como parte do seu tratamento para o hipotireoidismo. E há certos nutrientes que são necessários para a sua tireoide funcionar corretamente.

Por isso, a sua dieta deve desempenhar um papel importante no seu tratamento de hipotireoidismo.

Um dos melhores exemplos de um alimento problema são as gorduras poliinsaturadas.

Pesquisas mostram claramente que estas gorduras bloqueiam a liberação de hormônios da tireóide, bloqueando o hormônio da tireoide de ser transportado adequadamente dentro de sua corrente sanguínea, e suas células de usar adequadamente esse hormônio da.

E há principais nutrientes que seu corpo precisa para produzir os hormônios da tireoide necessários para manter suas células felizes e saudáveis.

E isso nos leva ao segundo passo.

2. Restaurar sua Saúde Hepática

A maioria do hormônio ativo da tireoide, T3, que seu corpo usa é produzido pelo fígado.

Mas o seu fígado não poderá fazer isso a menos que ele tenha abundância de glicogênio armazenado e certos nutrientes, tais como o selênio.

Então, se o açúcar no sangue está fora de equilíbrio e sua dieta carece de certos nutrientes essenciais, o fígado não pode fazer o seu trabalho. E mesmo que a sua glândula tiroide não possa ser o problema, o fígado pode ser responsável por diminuir a velocidade de produção de T3, resultando em hipotireoidismo.

Assim, a saúde do seu fígado é outra consideração importante quando se trata de seu tratamento de hipotireoidismo.

3. Melhorar seu Estilo de Vida

A maioria das pessoas torna seu estilo de vida adjudicado. Mas a verdade é que o seu estilo de vida pode ser um fator determinante para saber se o seu tratamento de hipotireoidismo é bem sucedido ou se você continua a agravar seu quadro.

E não importa como você olha para ele, ele sempre se resume ao estresse.

Entretanto, a maioria das pessoas não percebe que o estresse realmente faz para a saúde da tireoide. Para começar, ele inicia uma cascata de reações hormonais dentro de seu corpo, muitos dos quais são inflamatórias e causam ainda mais estresse.

Os hormônios de estresse também desempenham um papel de suprimir a tireoide. Eles fazem isso agindo tanto no fígado, inibindo a conversão de T4 para T3 ativo, como mencionado acima, e pelo aumento da conversão de hormônio, T3 reverso, que bloqueia eficazmente a sua função tireóidea.

E quanto mais estressantes nossas vidas se tornam, se torna mais importante manter o mínimo possível de stress como parte do seu tratamento de hipotireoidismo.

4. Equilibrar o açúcar no sangue

Falando de stress e hormônios de estresse, uma das maneiras mais rápidas e comuns de aumentar os hormônios do stress é permitir que o índice de açúcar no sangue decresça.

Quando isso acontece, o corpo aumenta a quantidade de hormônio do estresse, cortisol, que é responsável pela degeneração do seu tecido muscular, a fim de elevar o nível de açúcar no sangue.

Mas como eu já havia mencionado acima, o cortisol age contra a sua tireoide.

Então, equilibrar o açúcar no sangue deve ser uma parte extremamente importante de qualquer tratamento de hipotireoidismo.

5. Usar a Suplementação Adequada

Depois de conseguir fazer uma dieta alimentar correta, manter o fígado saudável, os hormônios do estresse sob controle, e o índice de açúcar no sangue equilibrado, então a sua tireoide vai começar a funcionar com muito mais eficácia. Mas para alguns, isso ainda pode não ser suficiente para obter a sua saúde tireoideana completamente de volta ao normal.

E é neste caso que a suplementação da tireoide pode ser útil como parte de seu tratamento de hipotireoidismo.

Todo o seu sistema hormonal é muito complexo e, muitas vezes, as vias de feedback hormonais podem realmente inibir os hormônios da tireoide a retornar aos seus níveis normais. Nestas situações, fazer a suplementação com os hormônios da tireoide corretos pode ajudar a restaurar os níveis hormonais adequados rapidamente.

Mas nem todos os suplementos de tireoide são prescritos igualmente. E alguns não têm nada a ver com determinados planos de tratamentos.

Por exemplo, o iodo, muitas vezes, é escolhido inadequadamente como suplementação, e pode realmente causar mais mal do que bem.

Entretanto, a comunidade médica continua prescrevendo apenas T4 como medicação quando as pesquisas mostram claramente que ele não é eficaz para a maioria das pessoas. E, muitas vezes, estes T4 adicionais irão te fazer adquirir um hipotireoidismo ainda mais forte, o que é muito imprudente quando se trata de tratamento de hipotireoidismo.

A chave é encontrar a combinação certa de hormônios que seu corpo precisa para restaurar o equilíbrio.

Resultados do Tratamento para Hipotireoidismo

Também é importante considerar que existem alguns fatores que afetam o quão rápido ou lento você começará a observar os resultados da implementação mencionada acima, em seu plano de tratamento de hipotireoidismo.

Por exemplo, eles podem variar devido ao ciclo menstrual de uma mulher. Isso devido ao papel que o estrogênio e a progesterona alteram a sua capacidade de lidar com certos nutrientes em sua dieta. Não é incomum que seus sintomas cessem e retomem quando os picos de estrogênio iniciem. Mas ele só se torna um ciclo ou dois antes que as coisas comecem a se estabilizar.

Se você puder controlar estes 5 tópicos essenciais para o sucesso do tratamento de hipotireoidismo, então você estará no caminho certo, não apenas tendo melhoras na sintomatologia do hipotireoidismo, mas restaurando também a sua saúde e energia.

Comentários

  1. Fernanda diz

    Seria interessante um cardapio com uma dieta adequada! Fora isso adorei a matéria. Parabéns.

  2. Isis diz

    Muito boa matéria! Tenho hipotireoidismo há mais de 10 anos e o tratamento convencional não ajuda muito. Não aceito o que é sempre dito pelos médicos: “Não se sabe exatamente a causa, só se sabe que acontece e não tem cura. E que é preciso tomar remédio o resto da vida e se conformar em nunca se sentir completamente bem.” Por isso tenho pesquisado por conta própria sobre a doença e formas de restaurar a saúde em geral. Gostaria muito de saber as fontes dessas informações aqui apresentadas para que eu possa me aprofundar mais no assunto. Seria possível?

  3. Dayse Teixeira diz

    Boa tarde. Sofro de hipotireoisdismo há mais de 30 anos e meu último exame de sangue deu os seguintes resultados:

    TSH 20,70 mcUI ml
    T3 Total 87 ng dl
    T4 Total 7,7 mcg dl

    Qual é a dosagem correta que tenho que tomar de PURAN T4? Aguardo sua resposta urgente.

  4. José Rodrigues de Farias diz

    Recentemente por solicitação médica, me submeti a uma série de exames e alguns dos resultados como: Colesterol Total, Triglicerideos, Gordura no Fígado e se não bastasse o exame de Tiroxina Livre (T4l) Basal, apresentou resultado- 0,50. Está abaixo do valor de referência constatando-se Hipotireoidismo. Tenho 57 anos, 1,65mt altura e peso 84kgs. Gostaria se possível mais informações a respeito do assunto independente da prescrição do meu médico (qual seria a medicação ideal e dieta a ser seguida).

  5. Julio Cesar diz

    Tenho uma amiga neste estado gostaria de ajudá-la. Sou estudante de nutrição e estou aqui também para contribuir com vocês e estudar o tratamento adequado a esse sintoma que não foi descoberto a cura. Se alguém ler esse depoimento de contribuição, com o tratamento entre em contato comigo, pois tenho interesse espontâneo em contribuir com minha ajuda.
    Gostaria se alguma nutricionista formada ler esse documentário me diga quais os nutrientes adequados a esse sintoma e como posso tratá-lo com produtos fitoterâpicos.

  6. Monica Pereira diz

    Tenho tireoide. Gostaria de saber porque não me mandaram uma dieta. Sou muito estressada e possuo vitiligo.

    • Lívia diz

      O amiga, tireóide todo mundo tem, resta saber se você tem hipo ou hipertireoidismo, correto?
      Acredito que não te mandaram uma dieta pelo simples motivo que perante a lei somente um nutricionista formado pode prescrever dietas; médicos que prescrevem dietas estão infringindo a lei. Então busque uma nutri e resolva seu problema, assim como muitos aqui nos comentários pedindo quantidade e qual remédio, hello! Acha que quem escreveu esses maravilhosos artigos irá se comprometer a te passar uma medicação? Me poupe!

      • Keila diz

        Amei essa resposta, fico pra morrer quando alguem diz que tem tireoide, se não tivesse era aleijado! Não?! O brasileiro passa por um problema de falta de informação! E enquanto ao remédio, é uma piada pois comecei com levóide 25 e já tou no 50 e não melhorei nada… Fiquem com Deus!

  7. Valeria diz

    Tudo que foi dito na matéria tem lógica porque nunca me senti bem com esse hormônio T4 sintético que tomo há 8 anos. Os médicos são extremamente simplistas em afirmarem que tomando o hormônio, necessáriamente temos que ficar bem, o que não ocorre. Entretanto, faltam mais informações nessa matéria.
    Se tomar o T4 somente agrava os sintomas, se tomar o T3 também, se a combinação dos dois não é aconselhável, o que devemos tomar?
    Se não tomarmos nada, morreremos de inchaço!!!

  8. Renata Dias Emerick de Assumpção diz

    Há 11 anos faço tratamento para hipotireoidismo tenho dificuldade em emagrecer. O que devo fazer?

  9. Osmarina diz

    Tenho hipotiroidismo descoberto à 5 anos. Também entrei na menopausa com 42 anos. Hoje tenho 52 anos, estou com osteopenia coluna lombar e colesterol alto. Já cansei de trocar de médico, não adianta. Estou a cada dia pior, tenho todos os sintomas que consta em quem tem hipotiroidismo. Não sou obesa, não fumo, não bebo. Trabalho o dia todo em pé. Vivo chorando por qualquer motivo e de manha tenho que me arrastar para fora da cama, não acho motivo para ser feliz, me acho no fundo do poço, se puder me ajudar, estarei eternamente grata. Tomo o T4, rivotril, sinvastatina,e o medico mandou tomar fluoxetina mas não tomo porque irrita meu estomago. Obrigada, espero sua resposta.

  10. Danielle Falcão diz

    Fui diagnosticada com hipotireoidismo e me receitaram um destes 3 medicamentos: Euthyrox, Synthroid ou Puran T4. Qual seria o mais adequado? A médica falou que não há uma causa certa para a doença e que a dieta não interfere no tratamento… Devo procurar a opinião de outro médico?

  11. Pedro Netto diz

    Fazendo um exame pré-operatório para cirurgia cardíaca (ponte de safena), o diagnóstico foi de que eu tinha hipotireoidismo. Durante toda minha vida nunca suspeitei disso por não ter sintomas desta doença. Tenho 74 anos e estou tomando levotiroxina sódica 75mg (1 comprimido diário em jejum logo ao despertar e só me alimentando uma hora após tomar o remédio). Sinto muito formigamento nas mãos e nos pés. Isto pode ser um efeito colateral do medicamento?

    • Edna Gomes diz

      Adorei a materia, muito esclarecedora, mesmo porque a maioria das pessoas de tem hipo tomam o remedio e não fazem a dieta.
      Tenho analisado alguns alimentos e produtos, mas o que devo procurar nas formulas para saber se posso usar ou não?

  12. Meiry Tomaz diz

    Bom dia, descobri à 4 meses que estou com hipotiroidismo. Comecei o tratamento com LEVOID 25, ontem uma nova médica após ver o meu exame de tireiode me passou para Levotiroxina Sodica 75. Tenho medo de tomar essa quantidade, achei que ela irei me passar para 50. O que devo fazer?

  13. Tania diz

    Gostaria de que me enviassem uma dieta, pois tenho hipotiroidismo controlando as taxas e não tenho uma dieta, meu convenio não esta atendendo nesta área. Que absurdo.

    Grata

    Tânia

  14. Paula Cristina diz

    Meu filho de 13 anos está com T4 LIVRE 6,82 mcUI/mL e TSH 6,82, a pediatra mandou procurar um endocrino e fiquei muito preocupada com isso, pelo convenio so encontro vaga para outubro, é muito grave e urgente? Me ajude por favor.
    Desde já agradeço.

  15. Maria de Jesus da Silva Santana diz

    Tenho hipotireoidismo, sinto quase todos esses sintomas que você citou. Adorei sua matéria.

  16. Iolanda Neiva diz

    Olá, eu sou doente de hipertiroidismo, doenças de Graves. Sempre fui muito nervosa, cheia de ansiedade, medo interior, vergonha, meu coração acelerava e minhas mãos tremiam, minha voz fica meia rouca, minhas unhas partiam, e demorava para dormir. Fiz tratamento com iodo radioativo. Uma pequena dose. Vale a pena? Vale, sim.
    Hoje estou bem melhor mais calma, mais saudável. Uma dica: sem a médica saber eu tomava valium para dormir, só nos dias (segunda e terça feira) quando retomava o trabalho. Isso me ajudou a baixar meus valores de T4.

  17. Tereza Gonzalez diz

    No meu último exame de TSH deu 3.72 uUI/mL, este valor já é considerado como hipotireoidismo? Obrigada. Tereza Gonzalez – Belém-Pará.

  18. Simone Rodrigues de Oliveira diz

    Estou com tireoide e quero engravidar.
    Posso engravidar? Ela esta a 14,00.

  19. Tatiely Mendes Pinheiro diz

    O meu exame de 09/08/2013 deu: T4 livre: 1.52ng/dl. TSH: 0.07uUI/ml.
    O médico receitou antes do exame PURAN T4 de 125mcg. Durante 3 meses, desde 19/04/2013 estou tomando, senti que enchi mais do que antes e tenho pontadas, na cabeça próximo da nuca. Preciso saber o que esta acontecendo urgente. Quando vou ao médico ele nâo me fala nada só olha o exame e faz outra receita e manda eu tomar durante 3 mêses, e depois repetir o exame. Preciso de ajuda…

  20. Adriene diz

    Vocês poderiam colocar ou fazer um artigo, com os alimentos adequados para pessoas que querem começar à recuperar a sua saúde sem o tratamento convencional de drogas sintéticas?

  21. Maria Silva dos Santos diz

    O que posso ou nao comer, em questão de verduras e legumes e massas.

  22. Eliza diz

    Boa noite. Infelizmente eu tambem tenho hipo e preciso saber a dieta que devo seguir para uma melhora da minha saude. Tenho também gordura no figado e diabetes. Me ajude passando uma dieta correta para melhorar todos esses problemas aguardo ansiosa sua resposta. Obrigado!!!

  23. Roxane Paula diz

    Tenho hipotiroidismo e fiquei sabendo hoje que a alimentação afeta no tratamento. Estava querendo respostas, tomo levoid todos os dias porém continuo sentindo fadiga e a dosagem está correta. Porém os meus cabelos contimuam caindo muito. Gostaria de uma dieta especifica.

  24. Sonia diz

    Boa noite.

    Tenho 54 anos, sofro de hipotireoidismo desde 2008, tomo diariamente Puran T4 de 125, mas continuo sentindo desânimo, nervosismo, cabelo cai muito e tenho muito esquecimento. O problema começou juntamente com o climatério, não posso fazer reposição hormonal para a menopausa e creio que os sintomas em mim se agravaram mais ainda, por causa da menopausa. Sinto muito calor e quase sempre o frio me incomoda, mas sinto mais este incômodo nos pés, que ficam gelados. Mas ao mesmo tempo, sinto uma intolerância terrível ao calor, por causa disso deixei de ir á praia. Minha médica diz que os calores da menopausa um dia vão passar, mas que sempre os sentirei por causa da tireoide. Perdi completamente a libido e isso é complicado, porque sou casada. Soube também que os alimentos verdes, como: Brócolis, folhas verdes, chá verde e soja são ruins para a tireoide, o que fazer, se adoro saladas e tenho que estar sempre em dieta por causa do colesterol que está altíssimo, mas já faço uso de medicação para baixar o mesmo. Sofro muito com dores de cabeça diariamente e dores musculares, soube que o Puran causa cefaleia, isso é verdade? Tenho um ritmo de trabalho intenso e sofro muito com o estresse, não faço atividade física por não ter como conciliar com meu horário de trabalho, e ao mesmo tempo não sinto vontade, pois meu desânimo é grande. Minha qualidade de sono é péssima, por isso fui orientada por um médico a não caminhar á noite, ou seja, sou sedentária.

  25. Ana Maria diz

    Bom dia. Gostaria de fazer uma consulta. Por favor, poderiam me mandar o telefone e endereço. Obrigada.

  26. Luiz Carlos Coelho diz

    Tenho hipotireoidismo há 10 anos. Gostaria de saber mais sobre a dieta a seguir. Tomo o puran t4 de 100. Grato Parabéns pela matéria.

  27. Luciana diz

    Tenho 38 anos e fui diagnosticada com hipotireodismo, meu TSH deu 9,68, meu T3 deu 102, meu T4 deu 8,1. Comecei hoje a tomar o synthroid de 25, assim que acabar a caixa vou tomar o de 75 depois vou repetir os exames. Gostaria de receber seus comentários e a dieta.

  28. Ivanilda diz

    Que matéria, viu!!! Ela me deixou mais alerta para quando for conversar com meu médico. Realmente eles não falam nada destas coisas, apenas passam o remédio, olham as unhas e verificam a pressão, e olhem, pagamos caro por uma consulta! Obrigada pela orientação!

  29. Sabrina diz

    Meu nome é Sabrina e tenho 15 anos, tenho hipotireoidismo desde os 7 anos, utilizo o Puran T4 ha um bom tempo, na ultima vez que fui chegar o que aconteci sobre o fato tinha 12 ou 13 anos, e estou prestes a fazer 16 e continuo praticamente do mesmo jeito. O número do meu Puran R4 é 100, ou seja, é muito para a minha idade e desses tempos para cá fiquei muito preocupada com a doença e os sintomas. Estou tentando me tratar por conta própria, sem a ajuda de meus pais, e sinceramente não sei o que fazer, gostaria de sugestões. Obrigado.

  30. Andrea Toledo diz

    Tenho hipotireoidismo desde 2000. Já cheguei a tomar 200 mg de levotiroxina sódica, agora tomo 175mg. Fiz um ultrassom e foi detectado dois nódulos. O que faço agora? Pois me trato pelo posto de saúde da minha cidade e não existe nenhum especialista, desde já agradeço.

  31. Paulo diz

    Olá. Acho importantíssimo que os pacientes tenham na internet uma ferramenta de auxílio na busca por infirmações. Porém, gostaria de deixar aqui a minha crítica. Achei esse site um tanto quanto “terrorista”. Não sou médico e estou aguardando os resultados dos meus exames pra diagnóstico do que imagino ser Hipotireoidismo. Só de ler o que li aqui, perdi a confiança na médica que me atendeu e sei que ficarei com o pé atrás com todos os outros endócrinos que vierem a me atender. Obrigado, vocês (com o argumento de abrir os olhos dos pacientes), me deixaram bastante inseguro sobre qualquer diagnóstico e tratamento que eu venha a ter. Uma outra crítica é sobre as dicas ditas fundamentais [como dieta adequada, equilibrar o açúcar no sangue (?), suplementação] que são passadas de forma totalmente superficial. Ou seja, não devo confiar muito no diagnóstico e no tratamento indicado pelo(a) meu(minha) médico(a) (até porque, segundo vocês, eles afirmam que dieta não interfere), mas também não encontro as informações necessárias nesse site que se propõe como a Bíblia da doença. Faço o que? Conto com a sorte? Vou em 10 endócrinos e baseio o meu tratamento fazendo uma média do que todos disseram? Enfim… acho bacana a intenção de informar. Mas acho péssimo essa postura de deixar o paciente completamente perdido, com medo, dizendo que uma grande parte dos médicos não sabe fazer o diagnóstico, outros tantos são movidos por interesses econômicos, outros passam o tratamento errado; e pra finalizar, um site que deixa o paciente preocupado, mas que passa poucas orientações objetivas pra nós pacientes (como exemplo, é só reparar na quantidade de comentários pedindo para que sejam mais específicos sobre as dietas adequadas).

  32. Fernanda Diniz diz

    Olá, meu nome é Fernanda, tenho 19 anos e tenho hipotireoidismo há mais de 7 anos. Sempre tomei Puran T4, comecei com 25 mg e hoje tomo de 125mg, mas minha maior dificuldade é perder peso. Leio muito sobre o assunto e me preocupo muito com os sintomas, mas nunca tinha lido sobre os alimentos que ajudam e que atrapalham. Gostei muito da matéria. Seria interessante um cardápio com uma dieta adequada. Pois como foi mencionado poderá ajudar muito no tratamento. Obrigada.

  33. Vicentina Dias diz

    Recentemente em exames foi constatado que tenho hipotireoidismo
    Gostaria de tratar através da alimentação. Qual seria o cardápio diária ideal.

  34. Eva Coelho diz

    Oi, gostaria de saber se tenho hipo, fiz os exames T3 deu 103.3, o T.S.H deu 0,8 , o T4 LIVRE deu 1,2 ng/dl, não sinto nada, afinal gostei da matéria. Me responda porfavor.

  35. Claudia diz

    ARMADURA TIREOIDE, procurem saber que médico prescreve esse remédio natural que existe no mercado a mais de 100 anos, e vivam normal sem efeitos colaterais. Ele contem T4, T3, T1 e T2.

  36. Larissa diz

    O site tem informações interessantes, mas tudo sobre o tratamento do hipotireoidismo é muito controverso.
    Percebi que o responsável pelo site não responde as perguntas e não possui um perfil de identificação e nem data as postagens.
    Confesso que em se tratando de saúde e de um assunto tão discutido, é complicado confiar nas informações sem as devidas referências.
    No mais, me pareceu ser um dos sites mais informativos sobre o assunto, que não outras páginas direcionadas somente à comunidade médica.

    • Hipotireoidismo.net diz

      Os próximos artigos vão ter referências bibliográficas. Como você disse, o tratamento do hipotireoidismo tem muita controvérsia. Isto acontece pela complexidade da doença e doenças relacionadas que os pacientes sofrem. Existem muitos sub tipos de hipotireoidismo e cada tratamento tem de ser testado e optimizado para cada paciente. Eu não posso dar indicações médicas por internet e em vez de gastar tempo a responder comentários individuais opto por criar e modificar artigos para melhor informar os leitores do site.

  37. Vinicius diz

    Agora fiquei mais aflito e confuso. O site é muito bom, me esclareceu algumas coisas, mas deixou algumas informações poucos esclarecidas.

    • Hipotireoidismo.net diz

      Tratar os problemas da tireoide é uma das coisas mais complicadas que existe. Existem muitas variações da doença e cada caso é diferente. Continue a ler e a reler informações sobre a doença e os seus tratamentos. Não hesite em deixar perguntas nos comentários. Posso não responder diretamente mas será tomado em conta na escrita dos próximos artigos.

  38. Daniella diz

    Tive hipertiriodismo e fiz tratamento de iodo e radiação, a minha tiroide inverteu e agora tenho hipotireoidismo. Já fazem 10 anos e agora estou grávida, li um pouco sobre essa doença horrorosa e tô apavorada. Me ajude por favor…

  39. Claudia diz

    Bom Dia!
    Dediquei várias horas lendo as informações do site, que por sinal são muito interessantes, li e me identifiquei com alguns comentários e penso em indicá-lo para diversas pessoas que sofrem com a doença, mas existem dois pontos de extrema importância para tornar estas informações confiáveis – fonte das informações, bem como, as datas. Quanto a identificação dos alimentadores da página, até entendo que por diversas questões, não queiram se identificar. Mas dizer de onde vem as informações é muito importante, pois pode mudar a qualidade de vida de muitas pessoas, que assim como eu sofrem com a doença. Mais um detalhe (grande), com relação a alimentação, embora foi explicado, mas para leigos como eu, não muda muito, sobre a ingestão de gordura saturada e sódio, dá uma ideia de que pode ser consumido sem moderação, e aqueles que apresentam além de hipo problemas cardíacos e de colesterol? Como fica? Muitas coisas que li foram bem coerentes, mas algumas informações me deixaram um pouco preocupada. Por isso reitero minhas sugestões iniciais e peço que sejam colocadas as ressalvas necessárias para o bom uso das informações contidas nesta página. Mas não quero deixar de elogiar a iniciativa de trazer informações tão uteis (se realizadas a atualizações necessárias).

    • Hipotireoidismo.net diz

      Para as fontes por favor consulte a página da bibliografia. Nenhum alimento pode ser consumido sem moderação. As gorduras, mesmo as saudáveis têm uma grande densidade calórica. Ingerir demasiada comida leva a problemas de glicemia que pioram o hipotireoidismo no dia e levam ao aumento do peso a longo prazo. Quem tem problemas de colesterol alto vai ter melhorias significativas quando diminuir o consumo de carboidratos e óleos vegetais, enquanto aumenta a ingestão de Omega 3. O hipotireoidismo afeta muitas pessoas de forma diferentes e requer um tratamento a nível da alimentação, estilo de vida e de medicação. Mesmo com uma bibliografia e estudos feitos é necessário testar dezenas de mudanças na alimentação e na medicação, tudo sem garantia. A persistência, educação continua e interesse no tratamento é o mais importante. Nem este site, nem qualquer outro vão dar todas as respostas – este site é só o meu esforço – mas a capacidade de qualquer humano tem limites.

      Lição para o leitor? Investigar e testar o máximo possível. Muita coisa é possível só com a alimentação e o exercício físico… A perscrição da medicação é a resposabilidade do seu médico. Tomar a medicação, melhorar a alimentação, diminuir o estresse, fazer exercício físico e investigar tudo isto é a responsabilidade de cada um que sofre da doença. A maioria das pessoas que sofrem da doença tomam a medicação e pronto. Quando eu digo para deixar de tomar refrigerante, comer macarrão e deixar de comer pão muita gente entra em pânico e vem pedir satisfações, estudos e não sei o que. Eu não estou aqui para ser um grupo de apoio psicológico para quem come alimentos industrializados. Não ganho nada em escrever o site, a única pessoa a ganhar é você. Ou ganha saúde ou ganha sabedoria!

      Deixar de comer glúten e refrigerante não vai matar você… É difícil mas é necessário fazer o esforço durante uns meses. Só para ver se funciona, sem garantias! A única pessoa a ganhar com isso é você!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>